Dicas Para Entrevista Consular

 

Fatores Gerais

       Orientação para você conseguir um visto com maior tranquilidade e confiabilidade.
      É importante estar bem preparado para a sua primeira entrevista. As primeiras impressões são fundamentais, pois haverá pouco tempo para falar com o agente consular, que costuma ter poucos minutos para fazer a entrevista e tomar uma decisão. Utilize roupa formal de cores suaves. A entrevista deve ser considerada uma ocasião formal, roupas formais de trabalho são apropriadas nesse dia. Tenha uma aparência impecável. Arrume seu cabelo e evite o  excesso de acessórios ( tiaras, broches, pircing, correntes, etc...), homens devem estar com barba feita.
      Na hora de responder às perguntas seja específico e convincente, não fale demais. Olhe diretamente nos olhos do cônsul e fale sempre a verdade. Caso possua inglês fluente, opte por fazer a entrevista em língua inglesa. Os agentes consulares em geral reagem mal a candidatos que dão respostas vagas, decoram discursos ou fazem comentários exagerados sobre o quão maravilhoso e sensacional são os Estados Unidos.
       Os agentes consulares preferem ouvir respostas honestas e específicas às suas perguntas. Uma preparação adequada para a solicitação do visto aumentará suas chances consideravelmente, caso possua um visto negado anteriormente sua entrevista será mais delicada e difícil.

doc imagem.jpg

Capacidade Financeira

      É preciso ter uma capacidade financeira adequada e comprovável para poder viajar, morar, estudar ou trabalhar nos Estados Unidos. Os pedidos de visto são favorecidos se a família, empregador ou algum outro patrocinador institucional localizado no país de origem responsabilizar-se pelos custos financeiros. Se os seus pais arcarem com os custos da sua educação ou viajem, prepare-se para comprovar a origem da renda da família. Traga uma carta do(s) empregador(es) e/ou de seus pais, declarando o emprego que têm, há quanto tempo trabalham na empresa e quanto ganham.
      Quando os agentes se deparam com algo que crêem não fazer sentido, negam o visto.
     Se sua família demonstrar uma renda suficiente apenas para mantê-lo nos Estados Unidos, o agente se perguntará como a família sobreviverá no país de origem. Grandes somas de dinheiro em contas bancárias podem não bastar como prova de capacidade financeira. Quanto a informações de contas bancárias, obtenha uma carta do banco declarando há quanto tempo à conta existe e o saldo médio daquela conta nesse período.Todos os nomes de solicitantes de vistos são investigados por questões de segurança. É importantíssimo solicitar o visto com antecedência em relação à data que iniciará sua viajem, curso, programa de estágio ou de trabalho. Comprove que não tem intenções de imigrar. O principal motivo de um visto ser recusado é a pessoa não conseguir juntar documentos que ajudem a provar que você retornará.    Sugerimos apresentar alguns destes documentos: Contratos ou documentos bancários que comprovem que você ou sua família imediata são proprietários de um negócio estabelecido ou da casa onde moram.

 

Diplomas / Certificados / Trabalho

 

      Cartas de recomendação (de um professor ou alguém que ocupe um cargo de responsabilidade no governo ou em alguma empresa) Se for o caso, pode ser bom obter uma carta de uma empresa em seu país declarando que você será contratado para um determinado emprego quando retornar. Se estiver trabalhando atualmente, pode ser útil apresentar uma carta do seu empregador declarando que a sua participação no programa de intercâmbio ou estudos nos Estados Unidos serão úteis para o seu trabalho futuro na empresa. Não peça demissão pouco antes de solicitar o visto. Se você se demitir do emprego pouco antes de solicitar o visto, o agente poderá achar que isso é uma indicação de que pretende ficar permanentemente nos EUA.

 

  • envie email iremos esclarecer sua dúvida  -   visabr@visabr.com.br
  • ou mensagem pelo Whatsapp (11) 99838-0842  /  (11) 95658-0842